Confiança do empresário da indústria sobe 1,5 ponto em junho

Índice de Expectativas cresce e atinge 100,2 pontos

Agência Brasil

O Índice de Confiança da Indústria (ICI), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), cresceu 1,5 ponto na passagem de maio para junho. Essa é a terceira alta consecutivo do indicador, que atingiu 101,2 pontos em uma escala de 0 a 200 pontos, o maior nível desde novembro de 2021 (102,1 pontos).

Treze dos 19 segmentos da indústria brasileira analisados pela pesquisa apresentaram aumento da confiança em junho, na comparação com maio.

Melhor desempenho

O Índice da Situação Atual, que mede a confiança do empresário da indústria no presente, cresceu 1,9 ponto e chegou a 102,3 pontos. O melhor desempenho ocorreu na satisfação com o nível de demanda por produtos industriais.

O Índice de Expectativas, que mede a confiança no futuro, subiu 1,2 ponto e atingiu 100,2 pontos, principalmente devido ao desempenho do componente de otimismo com a evolução da produção física nos três meses seguintes.

Related Posts
Read More

Consórcio de veículos atinge número recorde de participantes

Balanço divulgado pela pela Abac, Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios, mostra total de 645,25 milhões de cotas vendidas nos três primeiros meses do ano, com R$ 26,5 bilhões de créditos negociados. Há um ano esses números eram de, respectivamente, R$ 565 milhões e R$ 20,7 bilhões.