Palestra Impactos da Inteligência Artificial no varejo marca lançamento do Programa LOJA DO FUTURO -

Palestra Impactos da Inteligência Artificial no varejo marca lançamento do Programa LOJA DO FUTURO

Evento promovido pelo Sincopeças-SP, FecomercioSP e Sebrae tem apoio da G&B Distribuidora de Autopeças, IQA, VVS Consultoria e Agora Deu Lucro

Com casa cheia e seleto público de varejistas, representantes de entidades e apoiadores, o Sincopeças-SP lançou oficialmente o Programa LOJA DO FUTURO, uma parceria com a FecomercioSP e Sebrae para treinamento de capacitação empresarial inspirado nas mais recentes tendências e tecnologias do varejo, apresentadas nas últimas edições das feiras internacionais NRF, de Nova York, e Euroshop, em Düsseldorf, na Alemanha. Totalmente gratuito, o programa foca nas micro e pequenas empresas, oferecendo conjunto de soluções para auxiliar na modernização e competitividade dos negócios no novo cenário do varejo, com base em gestão, digitalização, inovação e mercado. Ao longo de 2024, o programa contemplará treinamentos sobre lucratividade, digitalização e venda pela internet, entre outros temas essenciais para o desenvolvimento das lojas. Na abertura do evento, o presidente do Sincopeças-SP, Heber Carvalho, agradeceu a grande presença do público e ressaltou que as empresas do varejo de autopeças têm muita necessidade em agilizar seus processos e adquirir novos conhecimentos de digitalização, informática, tecnologia, entre outros. “As empresas ainda têm resistência em saber como preparar as suas vendas para o comércio eletrônico e isso tudo isso será apresentado no Programa LOJA DO FUTURO”, comentou. O presidente contou que sua loja em Ribeirão Preto atende hoje várias regiões do País com o e-commerce. “Como comerciante de autopeças, sei que não é fácil montar um e-commerce. É muito diferente da estrutura de uma loja física, precisa de mão-de-obra especializada, estrutura e conhecimento. Começamos a vender pelo e-commerce há dois anos e quem não começou, comece logo, pois muda a história da sua empresa. Hoje, vendemos para o Brasil inteiro e o pessoal sempre volta a comprar da gente”, garantiu. Para Heber Carvalho, as empresas do comércio de autopeças precisam assimilar essas inovações, buscar procedimentos e processos, e fazer com que esse conhecimento se transforme em ferramenta fundamental dentro da atividade empresarial. “O Sebrae tem expertise e ferramental para que as empresas de autopeças se estruturem nesse sentido. Saliento que o programa é 100% gratuito e qualquer empresário do setor pode entrar em contato com o Sebrae e se inscrever”, explicou o presidente. O gerente do Escritório Capital Centro do Sebrae, responsável pelas inscrições, Carlos Alberto de Freitas, disse que o Programa LOJA DO FUTURO chega em um novo momento do varejo, muito complexo em virtude da inteligência artificial. “É uma tecnologia que pode nos ajudar como também nos tirar do futuro. Temos que aprender e nos adaptar porque as tecnologias estão aí e nos colocam à prova diariamente”, alertou. O proprietário da G&B, Antonio Carlos Beiram, apoiador do programa, chamou atenção dos empresários para se aproximarem do Sincopeças, por ser a entidade que representa o setor e está promovendo a capacitação dos pequenos e médios varejo, que precisam estar sempre atualizados e preparados para oferecer o melhor aos seus clientes. “Apoiamos o Programa LOJA DO FUTURO, pois acreditamos que possa ser uma forma de despertar o interesse do varejista por formas de capacitação e desenvolvimento e assim fazer frente às oportunidades que o programa oferece. Quem não se mexer agora terá problemas mais à frente porque o mercado está mudando rapidamente”, destacou Beiram. IA no varejo O gerente de Relacionamento do Sebrae-SP e especialista em marketing, comunicação e atendimento, Alexandre Robazza, ministrou a palestra “Impacto da Inteligência Artificial no Varejo” e começou alertando que este é um momento único, de mudança de chave, mudança de tecnologia. De início, apresentou diversas sugestões para os empresários do setor potencializarem seus negócios usando essa tecnologia e assim se aproximarem dos clientes por meio dos canais digitais. “Estamos em um momento único de mudança de tecnologia. Ela já faz parte do dia a dia de vocês, queremos aprender como usá-la e estamos todos no mesmo barco”, afirmou Robazza. Para desmistificar que esse assunto é algo distante, ele enfatizou que o celular já tem uma série de inovações e tecnologias baseadas na inteligência artificial. “Então, vocês já estão usando a inteligência artificial. O diferencial é saber usar essa tecnologia sem deixar de lado as conexões humanas, a experiência em loja com o contato com as pessoas”, argumentou. LOJA DO FUTURO Em sua apresentação, o consultor de negócios do Sebrae, Reginaldo Oliveira, responsável pelo atendimento ao programa LOJA DO FUTURO, disse que a iniciativa representa uma grande oportunidade para o segmento varejista de auto e motopeças por tratar de questões como inovação, digitalização, mercado e gestão de forma a mantê-los competitivos e sustentáveis frente aos desafios do mercado. “O objetivo do programa é auxiliar o empresário no aumento de faturamento e na competitividade de seu negócio, a partir da implementação de melhorias na atmosfera da loja, experiência do cliente, na modernização da gestão e implementação de tecnologias modernas”, avaliou. Reginaldo citou alguns gargalos que ainda persistem no varejo. “Há dificuldades nos aspectos financeiros, na formação de preço, e em ter um demonstrativo de resultados para apurar se a sua loja é lucrativa ou não. É preciso avaliar o quanto o negócio é efetivo e o que podemos identificar de oportunidades, pensando sempre em inovação. E quando falamos em inovação, não pensamos só em tecnologia, mas também em redução de custos e aumento de faturamento”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Notícias Relacionadas